Sempre tento mapear os meus sentimentos. Raríssimas vezes não soube como traduzi-los, ainda que através de olhos, de lábios, silêncio, águas...

06
Abr 09

                                                                              

               O retrato, apesar de preto e branco, denuncia o verde de seus olhos. Enfeitam e iluminam o corredor. Assim eram seus olhos: fachos de luz. Acreditávamos inteiramente em tudo que eles diziam. E os seguíamos como a um farol, crédulos de que aquela luz nos guiaria para todo o sempre.   

 

                                                                              

publicado por STELLA TAVARES às 17:10

esmeralda

seria o

seu nome :)
Lupussignatus a 17 de Abril de 2009 às 23:24

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29


RSS
arquivos
Contador de Visitas
Temporada
Contador de acesso grátis
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO